Sobre Nós

Somos uma equipa que se juntou com o propósito de contribuir para a valorização e preservação da autenticidade dos lugares de Portugal. Para tal, envolvemos a comunidade local, através de um trabalho em rede, com o intuito de tornar Portugal num destino de Imersão Cultural.

A nossa visão

Queremos satisfazer as necessidades dos nossos visitantes sem esquecer ou obstruir os das regiões preceptoras, protegendo-as e ampliando as suas oportunidades futuras. Fazemo-lo através de um conjunto de experiências de imersão e de turismo sustentável (idiomático e literário) no sentido de tornar as pessoas mais conscientes, autónomas, solidárias e que, de forma responsável, assumam a pluralidade de línguas e culturas.

Queremos promover sociedades pacíficas e inclusivas para um desenvolvimento sustentável. Um mundo consciente dos seus problemas sociais e cujas soluções assentam no reconhecimento da sua diversidade e identidade, de uma ação pela inclusão e de um pensamento glocal.

Quem Somos

O que fazemos

O Stay to Talk – Instituto de Imersão Cultural é uma instituição de impacto social, assente na Agenda 2030, constituída com um propósito de dinamizar e de relacionar áreas como:  

O nosso percurso

Março 2024
Stay to Talk reconhecido pelo World Crafts Council Europe

O Stay to Talk foi reconhecido pela União Europeia com uma bolsa pelo trabalho desenvolvido nas Oficinas de Imersão Cultural.

Este ano as OIC Páscoa estiveram inseridas nos European Artistic Crafts Days, dias onde o artesanato foi celebrado por toda a Europa.

O Stay to Talk agradece a confiança e promete continuar a desenvolver e a promover o património na sua comunidade!

WCCE Supported EACD Events 2024 – Portugal

Julho 2023
5º aniversário Stay to Talk

Celebração do quinto aniversário do Stay to Talk.

Um percurso intenso pelo território a trabalhar com a comunidade e com o património.

Ler artigo

Vídeo com os nossos artistas

Maio 2023
Stay to Talk integra a Rede Nacional do Património Cultural Imaterial

No dia 22 de maio de 2023 decorreu a primeira reunião da Rede Nacional do Património Cultural Imaterial, da qual o Stay to Talk é membro.

Esta rede tem por objetivos a partilha de conhecimento, experiências e boas práticas, procurando potenciar um trabalho de colaborações múltiplas com foco na salvaguarda e revitalização do PCI.

O Stay to Talk integra a rede como forma de continuar a crescer na área do PATRIMÓNIO CULTURAL.

Poderá consultar a lista de parceiros através do seguinte link:

DGPC Lista de parceiros da RNPCI

 

Continue a acompanhar-nos!

Setembro 2022
Assinatura do protocolo de cooperação entre a Faculdade de Letras da Universidade do Porto (FLUP) / Centro de Investigação Transdisciplinar Cultura, Espaço e Memória (CITCEM) e o Stay to Talk – Instituto de Imersão Cultural

Assinatura do PROTOCOLO DE COOPERAÇÃO entre a Faculdade de Letras da Universidade do Porto (FLUP) / Centro de Investigação Transdisciplinar Cultura, Espaço e Memória (CITCEM) e o Stay to Talk – Instituto de Imersão Cultural.

Este protocolo tem como intuito o desenvolvimento de uma colaboração nos domínios da investigação, informação e da formação, nos âmbitos científico, tecnológico e académico.

Junho 2022
STAY TO TALK – UM PROJETO CULTURAL DE BASE COMUNITÁRIA – UMA DAS HISTÓRIAS PREMIADAS NO CONCURSO HISTÓRIAS DAS JORNADAS EUROPEIAS DO PATRIMÓNIO DE 2022

Por iniciativa do Conselho da Europa e da União Europeia, através do Concurso Histórias das Jornadas Europeias do Património de 2022, o Instituto de Imersão Cultural – Stay to Talk foi motivado a contar a sua história e ficou entre as dez boas práticas europeias.

Trata-se de um concurso europeu que dá voz às histórias das Jornadas Europeias do Património e destaca os projetos das várias organizações e associações participantes no evento, bem como as suas conquistas locais na valorização do património cultural.

Fonte do Artigo

Julho 2022
4º Aniversário do Stay to Talk

O Stay To Talk Instituto completa o seu 4.º aniversário, tendo como mote o lançamento de uma nova forma de visitar Amarante, através de uma Experiência de Imersão Artística.

Vídeo do aniversário

Dezembro 2021
Implementação do Projeto Piloto do Roteiro Literário de Teixeira de Pascoaes

O Stay to Talk implementou, pela primeira vez, em Amarante, um roteiro literário de base comunitária dedicado ao poeta Teixeira de Pascoaes. 

Fonte do Artigo

Novembro 2021
Distinção do Stay to Talk na VI Conferência Internacional sobre colaboração e Governação Integrada

Em período de confinamento o Stay to Talk desenvolveu com a comunidade a atividade colaborativa “FIQUE EM CASA PARA FALAR DE..."

Esta atividade foi distinguida e exposta no "Museu das Boas Práticas de Colaboração na Pandemia" aquando da VI Conferência Internacional sobre Colaboração e Governação Integrada.

Site da conferência: https://www.ovalordacolaboracao.pt/

Julho 2021
3º Aniversário do Stay to Talk
Julho 2021
Participação no Congresso Internacional Turismo, História e Património: Compromissos com o futuro

O Stay to Talk teve a oportunidade de apresentar o seu  produto turístico "Rota dos Artistas" no Congresso Internacional Turismo, História e Património: Compromissos com o futuro.

Uma iniciativa em parceria entre o História, Territórios e Comunidades, um pólo na NOVA FCSH, do Centro de Ecologia Funcional – Ciência para as Pessoas e o Planeta – da Faculdade de Ciências e Tecnologia da Universidade de Coimbra; a Escola Superior de Hotelaria e Turismo do Estoril; o Instituto de Geografia e Ordenamento do Território – UL; a Fundação António Quadros - Cultura e Pensamento; e a Câmara Municipal de Cascais.

Janeiro 2021
Participação na Conferência Internacional sobre "Literatura, Turismo e cidades"

Conferência Internacional sobre "Literatura, Turismo e cidades" organizada pelo Centro de Estudos Comparatistas da Faculdade de Letras de Lisboa e da Escola Superior de Gestão, Hotelaria e Turismo da Universidade do Algarve.

O Stay to Talk esteve presente e partilhou o trabalho que tem estado a desenvolver no Norte de Portugal no âmbito da Rota dos Artistas.

Novembro 2020
Participação no GREENFEST

O Stay to Talk Instituto foi convidado a participar com uma comunicação no GREENFES - o maior Movimento de Sustentabilidade do País. Aqui celebra-se o que de melhor se faz nas vertentes Ambiental, Social, Económica e Cultural.

Novembro 2020
Apresentação oficial da ROTA DOS ARTISTAS

Através de três Conferências Andantes o Stay to Talk apresentou oficialmente o seu produto Turístico-Pedagógico “Na Rota dos Artistas: à procura do belo” que desafia o visitante através da vida e obra de seis artistas a conhecer o património material e imaterial do Norte de Portugal.

Fonte do Artigo

Agosto 2020
1º Prémio Douro Verde Invest

Com o objetivo de estimular o empreendedorismo inovador na região, a Comunidade Intermunicipal do Tâmega e Sousa, através da Rede de Apoio à Atividade Económica do Tâmega eSousa, promove a 3.ª edição do concurso “TâmegaSousa Empreendedor – Onde as ideias se concretizam!”.

Fonte do Artigo

Junho 2020
Segundo Aniversário do Stay to Talk

Maio 2020
Atribuição do selo Clean & Safe

O Turismo de Portugal reconhece as empresas do setor do Turismo que cumpram as recomendações da Direção-Geral da Saúde para evitar a contaminação dos espaços com o SARS-CoV-2 (novo coronavírus).

Fevereiro 2020
Stay to Talk Instituto considerado como uma forma nova de empreender no Turismo

A Revista MADE é editada pela InvestAmarante e pretende mostrar casos de sucesso empresarial e de empreendedorismo, apresentar os protagonistas da economia de Amarante e divulgar incentivos a projetos empresariais no concelho.

Fonte do Artigo

Janeiro 2020
Encerramento do Ano Nacional da Colaboração

O Ano Nacional da Colaboração foi uma iniciativa de âmbito nacional, promovida pelo Fórum para a Governação Integrada (Forum GovInt) e seus promotores. Ao longo de 2019, pretendeu-se mobilizar e inspirar a sociedade portuguesa, através dos cidadãos/ãs e das instituições, para a relevância estratégica da colaboração, quer como forma de resolução de problemas, quer de otimização dos recursos disponíveis e para a qual, desde o início, o Stay to Talk foi convidado a participar.

Fonte do Artigo

Julho 2019
1º Aniversário do Stay to Talk – Instituto de Imersão Cultural

O Stay to Talk Instituto sendo uma instituição social só poderia comemorar o seu primeiro ano em comunidade.

Abril 2019
Participação na 1º Edição do Programa de Aceleração Grow Innovation

O Stay to Talk teve a oportunidade de participar neste Programa o que lhe possibilitou crescer de forma participativa.

Abril 2019
Roteiro enogastronómico do Baixo Tâmega “Verde Sentido”

O Stay to Talk Instituto passou a fazer parte deste roteiro enogastronómico.

Outubro 2018
IRIS Social Innovation Meet Up 2018

O Stay to Talk teve a oportunidade de apresentar o seu projeto no encontro anual da IRIS que tem por objetivo comemorar o seu 1º aniversário e partilha ideias, projetos, networking e inspiração da sociedade civil para a área da inovação social.

Fonte do Artigo

Dezembro 2018
III Encontro de Investidores da Diáspora

O Stay to Talk Instituto teve a oportunidade de apresentar o seu projeto no III Encontro de Investidores da Diáspora, uma iniciativa conjunta da Secretaria de Estado das Comunidades Portuguesas e da Comunidade Intermunicipal do Tâmega e Sousa, em colaboração com a Câmara Municipal de Penafiel e realizar alguma atividade de Networking.

Fonte do Artigo

Julho 2018
Lançamento oficial do Stay to Talk – Instituto de Imersão Cultural com a comunidade

Fevereiro 2018
Stay to Talk foi apresentado à Ministra da Presidência e da Modernização Administrativa

Através da Incubadora Regional de Inovação Social (IRIS) da qual o Stay to Talk faz parte, tivemos a oportunidade de nos apresentarmos à senhora Ministra da Presidência e da Modernização Administrativa, Maria Manuel Leitão Marques, que iniciou em Amarante o Roteiro de Inovação Social de 2018.

Fonte do Artigo

Janeiro 2018
“Professora de Amarante desenvolve projeto para ensinar língua e cultura portuguesas”

Uma reportagem do Porto Canal que evidencia o emergir do projeto e o foco de que por detrás dos projetos também estão histórias de vida.

Fonte do Artigo

Setembro 2017
Participação na 1º Edição da B-Box

Um programa de pré-aceleração de ideias de negócio da Escola Superior de Tecnologia e Gestão (ESTG), onde a ideia do Stay to Talk evoluiu de forma participativa.

Fonte do Artigo
Julho 2017
2º Prémio “Ideias com Futuro”

A ideia de base do Stay to Talk – Instituto de Imersão Cultural foi reconhecida pela Comunidade Intermunicipal do Tamega e Sousa como tendo potencial para promover o aparecimento de novos produtos, processos produtivos, serviços, formas de comercialização e/ou abordagens de mercado.

Fonte do Artigo

Untitled design
Reproduzir vídeo
Reproduzir vídeo
Reproduzir vídeo

Os nossos parceiros

quote

Tudo parece impossível até que um dia seja feito. (Nelson Mandela)

E nós acreditamos que fazemos melhor em parceria.

CAROLINA MENDES

CEO e Fundadora

Doutora em Ciências de Educação na especialidade de Gestão e Administração Educacional pela Universidade Católica Portuguesa do Porto (2017), mestre em Ciências da Educação pela Universidade de Lisboa e licenciada em Ensino Básico Primeiro Ciclo pelo Instituto Politécnico de Portalegre.

Tem exercido a sua atividade académica e profissional em Portugal, Angola e Guiné-Bissau destacando-se: (1) as funções de professora, coordenadora e formadora de professores e formação de adultos em Angola e Guiné; (2) experiência no ensino superior a lecionar e supervisionar estágios pedagógicos de formação inicial de professores; (3) experiência de cocoordenação de projetos da Cooperação Portuguesa com os PALOP e consultoria e avaliação de projetos de educação de adultos e de cooperação internacional; (4) experiência empresarial em Angola e Portugal em áreas de Educação e Turismo.

É diretora-geral e fundadora do Stay to Talk – Instituto de Imersão Cultural (2017), uma empresa de animação turística e programação cultural que, pela sua definição e respetiva atuação, tem sido considerado um Projeto Sustentável e de Inovação Social que está a trazer para Portugal um novo conceito de turismo – turismo idiomático implementado de base comunitária. Gosta de ler e a sua paixão são as pessoas e a investigação.

RAQUEL MEIRINHOS

Facilitadora Linguística

Licenciada em Direito, pela Faculdade de Direito da Universidade de Coimbra, com especialização em Estudos Europeus (2007). Aprofundou o seu contacto com as línguas desenvolvendo uma aprendizagem de imersão nos respetivos contextos e contacto diretos com os habitantes locais, através colaboração com a Amnistia Internacional, primeiro no Porto e depois na sede, em Londres (2008). Estagiou no Tribunal Judicial de Amarante e fez Serviço Voluntariado Europeu em França (2011). É formadora de inglês na Universidade Sénior de Amarante desde 2014. Pela sua experiência com outros povos, pelo gosto de viajar e pelo seu alargado conhecimento de línguas, integra a equipa do Stay to Talk em 2018, assumindo o serviço de traduções no Departamento Linguístico. Adora viajar e o voluntariado é uma paixão.

SOFIA MESQUITA

Mediadora Cultural

Mestre em História e Património, com especialização em Mediação Patrimonial, pela Faculdade de Letras da Universidade do Porto (2019) e licenciada em Turismo pela Universidade de Trás os Montes e Alto Douro (2015).

Os primeiros contactos com mundo profissional aconteceram através de dois estágios curriculares, um na Loja Interativa de Turismo de Penafiel (2014) e um outro, no Museu Nacional Soares dos Reis (2014).

Após concluir a licenciatura trabalhou durante um ano numa empresa de animação turística, localizada em Miragaia, como guia intérprete.
Seguiram-se cinco anos de experiência na área de hotelaria, como rececionista e colaboradora de um hotel rural.

Por entender que o património define a identidade de um povo e por defender a importância de projetos de investigação, integra, em 2021, a equipa do Stay to Talk, como mediadora cultural.

Gosta de ler poesia e obras sobre História, de fotografar e de fazer longas caminhadas junto da Natureza.

BÁRBARA DE SOUSA

Animadora Cultural

Licenciada em Teatro e Artes Performativas pela UTAD em 2013. Iniciou a sua jornada pela educação no seguinte ano a lecionar AEC’S, a disciplina de Expressão Dramática em Lisboa. Em 2016 terminou a pós-graduação em Ciências da Educação na Universidade Nova de Lisboa.
Durante alguns anos trabalhou numa IPSS como monitora de ATL e professora de AEC’S. Os projetos trabalhados com as crianças tinham como base a vertente artística. Em 2022 teve a experiência de trabalhar numa associação artística. Ao longo do seu percurso foi realizando diversas formações ligadas ao desenvolvimento estético e artístico e à abordagem Reggio Emilia abordagem que defende uma escola mais humanizada, voltada para a escuta, interesses e potencialidades da criança. Esta abordagem proporciona as crianças a possibilidade de conduzir o seu próprio processo de aprendizagem pela comunicação, investigação e o brincar, criando assim sujeitos independentes, autónomos e confiantes nas suas capacidades de escolha.
Acredita que a educação nasce da relação com os pares e desta forma integrou a equipa do Stay to Talk em 2023.
Gosta de ler e ver filmes e documentários sobre factos verídicos. O voluntariado faz parte da sua vida e neste momento integra uma equipa de animação como chefe no agrupamento de escuteiros de Amarante.

Educação

1 – Promovemos serviços de tradução e o ensino de línguas, (sessões presenciais, online e/ou por experiências de aprendizagem práticas).

2 – Desenvolvemos programas de formação por medida e de acordo com as necessidades apresentadas, sempre com um complemento prático diferenciador que é o de viver Experiências de Imersão Cultural Local.

3 – Realizamos atividades de educação para o património para diferentes grupos alvo, entre outros, famílias, escolas e outras instituições de cariz educativo, como estratégia de desenvolvimento local.

Propomo-nos assim consciencializar não só os visitantes, mas também a comunidade local para o valor da identidade local, aproximar culturas distintas, promovendo uma melhor compreensão entre os povos e fortalecendo a paz no mundo.

Turismo

1 – O Stay to Talk é uma instituição de impacto social com o objetivo principal de contribuir para que Portugal se torne num destino de turismo sustentável.

Acreditamos que a nossa ação contribuirá para a criação de emprego e oportunidades justas na população local, para a valorização dos costumes, da cultura e da conservação da natureza.

Somos a prova de que o turismo pode ser uma boa experiência tanto para o turista como para o habitante local.

2 – Estamos a implementar, de forma pioneira, em Portugal o Turismo Idiomático de Base Comunitária assente em valores e práticas do turismo sustentável, cultural e criativo.

3 – Trabalhamos a cultura e a língua portuguesa através do Turismo Literário e Artístico, realizado sempre em proximidade com a comunidade local implementado sobre uma rede de agentes culturais comunitários.

Propomo-nos assim a promover um trabalho em rede na área do Turismo e da Cultura, adotando uma postura de cooperação com o intuito de promover uma governança que incentive o desenvolvimento económico – social dos contextos onde a intervenção do Stay to Talk se faça sentir.

Investigação

1 – Recolhemos e tratamos evidências da cultura local com o intuito de dar corpo a produtos culturais originais e passiveis de serem vivenciados por quem os procura, nomeadamente, narrativas de casa com história, estruturação de produtos turísticos, entre outras, consultoria.

Propomo-nos assim conhecer o contexto de forma científica, estudando e recolhendo evidências culturais no sentido de se trabalhar com um propósito social, nomeadamente, o de envolver as comunidades e de contribuir para o desenvolvimento local, a inclusão e a coesão social.